terça-feira, março 06, 2007

Se uma cigana lesse o meu destino....juro que nem acreditava


Início dos anos 80.....Faculdade.....novos amigos.....algumas perdas importantes.....e logo seria mãe outra vez.


Naquele tempo, a internet nem sonhava em existir como é hoje.
Naquele tempo, Letícia nem sabia que iria sonhar pela internet.
Naquela altura, ela nem sonhava que seria possível conhecer a sua metade e se apaixonar de verdade, através do quadradinho mágico.


Quando os homens querem são capazes de criar coisas fantásticas.

34 comentários:

Maria disse...

Naquele tempo Letícia era mais novinha, mas com a carinha igual, e o olhar (adivinho) brilhante... tal como hoje...

Temos mais coisas em comum, amiga, temos sim...

O sonho comanda a vida, mesmo que seja pela Internet...

Beijão grande, querida

Leticia Gabian disse...

Por certo que temos muito em comum, Maria. Se soubesses a pena que tenho por não termos nos visto em Lisboa! Mas, se tudo tem seu tempo e sua hora....ainda nos vamos encontrar.

Grande beijo, amiga

Jo§e disse...

Linda, já naquele tempo.

Um beijo

Leticia Gabian disse...

Zé,
Sempre os teus olhinhos de apaixonado, né?

Um beijo

Farinho disse...

Concordo plenamente, deviam sempre de querer criar coisas boas.

Beijocas

Mário Margaride disse...

Olá Letícia!

Já somos três! Eu tu, e a Maria.

De facto a net, da-nos a oportunidade de conhecermos pessoas fantásticas, como tu, a Maria...e muitos outros amigas e amigos, que aqui conheci, e me vão mantendo agarrado a este quadradinho. Sem ele...já não consigo passar. Mas paradoxalmente, também temos desilusões, e desencantos. Neste momento, é o que me acontece. Conheci alguém, que mexeu comigo, e não houve correspondência da mesma maneira.
Mas a vida continua, e estou aí noutra viagem, noutro rumo, qual ainda não sei ainda! Mas...vou deixar o tempo, fazer o seu percurso...

Beijinhos

Leticia Gabian disse...

Farinho,
Os bons homens, se querem, podem criar coisas fantásticas, mesmo. Que continuem.

Beijinhos

Leticia Gabian disse...

Amigo Mário,
O desencanto faz parte da nossa trajetória. Com ele aprendemos muito, principalmente a valorizar os encontros com pessoas que farão diferença em nossas vidas.
Deixa o tempo e o sonho caminharem de mãos dadas e vais ver que o rumo sugerido por eles vai te levar a um encontro muito especial.
Torço por isso, querido.

Beijinhos muitos

Ana Patudos disse...

Nada acontece por acaso amiga...
e mais não digo...
temos algumas coisas em comum, sem dúvida...
beijosAna Paula

Leticia Gabian disse...

Nada acontece por acaso. Acredito nisso.
Temos coisas em comum, não é Ana?
Falamos melhor por e-mail.

Beijos, querida

Jefferson P. disse...

Que coisa fofa!!!! Tudo e um pouco mais do que estava por surgir...

Parabéns!!!

bjo grande

Leticia Gabian disse...

Jefferson,
Adorei a tua visita. Volte sempre que desejar.
Já, já, irei conhecer o teu blog.

beijinhos

pitanga disse...

Letícia, onde cabe tanto amor?

beijos

Leticia Gabian disse...

Pitanguita,
Quando tamanho amor é igualmente dividido por dois, cabe direitinho.

Beijocas

pitanga disse...

Tua pele deve estar ótima!

beijos

Leticia Gabian disse...

Ô, Pitanguita!
Então esqueceu do oceano pelo meio?

beijocas

APC disse...

Olha ela lá... Tão menininha! :-)))
E tão bonitinha, iguazinho hoje, só que agora com o charmão também! ;-)

É... Vc é uma felizarda mesmo. Não escuta cigana não, que a lua é que sabe tudo, tudo vê, e reflecte no mar que vos liga (e afasta, bah!).

Grande abraço meu! :-)

PS - Tenho me lembrado de vc um montão de vezes hoje. Ando com o "Outra Vez" do Roberto Carlos cantando na minha cabeça e não pára (mas na voz de Roberta Miranda, eu acho; ainda não deslindei quem invadiu meu cérebro). Não vou transcrever para não cair pro aqui baixo astral (lol), mas é uma coisa que não me larga. E vem "daí", pá! Kum raio!

:-)))

MRelvas disse...

O SONHO COMANDA A VIDA



Pedra Filosofal
Eles não sabem que o sonho
é uma constante da vida
tão concreta e definida
como outra coisa qualquer,
como esta pedra cinzenta
em que me sento e descanso,
como este ribeiro manso
em serenos sobressaltos,
como estes pinheiros altos
que em verde e oiro se agitam,
como estas aves que gritam
em bebedeiras de azul.

eles não sabem que o sonho
é vinho, é espuma, é fermento,
bichinho álacre e sedento,
de focinho pontiagudo,
que fossa através de tudo
num perpétuo movimento.

Eles não sabem que o sonho
é tela, é cor, é pincel,
base, fuste, capitel,
arco em ogiva, vitral,
pináculo de catedral,
contraponto, sinfonia,
máscara grega, magia,
que é retorta de alquimista,
mapa do mundo distante,
rosa-dos-ventos, Infante,
caravela quinhentista,
que é cabo da Boa Esperança,
ouro, canela, marfim,
florete de espadachim,
bastidor, passo de dança,
Colombina e Arlequim,
passarola voadora,
pára-raios, locomotiva,
barco de proa festiva,
alto-forno, geradora,
cisão do átomo, radar,
ultra-som, televisão,
desembarque em foguetão
na superfície lunar.

Eles não sabem, nem sonham,
que o sonho comanda a vida,
que sempre que um homem sonha
o mundo pula e avança
como bola colorida
entre as mãos de uma criança.

Antóneo Gedeão In Movimento Perpétuo, 1956

Maria disse...

Passei por aqui... para te ouvir.

Beijos, amiga

Leticia Gabian disse...

Amiga-poema!
Charmão, é?
Mas é claro que eu sou muito mais a lua! Que cigana que nada!

Não é a voz da Betânia? Tomara que sim. Roberta
Miranda?...hum...tomara que não!

Beijões

Leticia Gabian disse...

Amigo Mário!

É, o sonho comanda a vida, sim!

Conheço o que escrevestes, musicado. É lindo!

Beijinhos pra ti

Leticia Gabian disse...

Maria!
Bonitinha! Voltastes pra me escutar?
És uma querida!

Grandes beijos pra ti

pitanga disse...

Resposta ao assunto pele: e o efeito retroativo e prolongado??? hehehe

Leticia Gabian disse...

Pitanguita!
A saudade faz muito mal à pele. Snif, snif, snif!

pitanga disse...

Creme hidratante nela...hehehe
Ai que maldade, amiga!

beijos e Nívea!!!

Anônimo disse...

Quem é que embeleza todo jardim,
A flora, a flor
E quem faz a vida bonita assim,
A rosa, a flor,
E quem vê a luta
Sabem quem é a flor,
A rosa, uma mulher.

E ninguém sepra a mulher da flor,
E cravo é cativo do seu amor.
E quem viu a luta
Sabe o que é:
A rosa, a flor, uma mulher.

Um beijo
Meus amô.

Naeno

Leticia Gabian disse...

Maldade sem tamanho, Pitanguita!

Beijocas

Leticia Gabian disse...

Naeno!
Como sempre, é muito lindo o que escreve.

Beijão, querido

pitanga disse...

Vê e-mail. Quando o teto baixa...

muitos beijos

Leticia Gabian disse...

Pitanguita,
Já li e já respondi
Beijão

APC disse...

Sabia que te escandalizaria com essa Robertice Mirandice, mas, justiça seja feita, acho mesmo que foi como conheci a cantiga em 1º. Seja como for, já fiz a desintoxicação: fui ao youtube e escolhi a versão dueto com Roberto Carlos e Simone, eheheheh.

Olha... Mostrei essa tua foto à minha mãe. Não aguentei... Tás uma ternura, e vestida bem do estilo que a delicia (na verdade, era como ela adorava se vestir quando mais nova, em África!). Fica um beijo dela.

E um meu.

O Sibarita disse...

Dona moça, sabe, você tem toda razão quem poderia imaginar uma coisa dessa nos anos 80?

E que bom que essa coisa fantástica tem conseguido ao longo da sua existência unir pessoas trazendo a felicidade, ainda, que eles estejam separados na distância momentâneamente. É isso!

bjs.
O Sibarita

Leticia Gabian disse...

Amigapoema!
Como estou aliviada pela tua desintoxicação! Roberto e Simone....é outra coisa!

Olha, diz pra tua mãe que eu mando um super beijo e que eu ainda tenho várias roupas assim, que adoro usar pra ficar em casa ou mesmo sair pra um passeio.

Outro beijão pra ti

Leticia Gabian disse...

Grande Siba,
Quem diria, não é?
E aconteceu logo comigo?!

É isso aí....separados momentaneamente.....

Beijão, querido