terça-feira, novembro 28, 2006

Uma homenagem a um tempo bom


No início dos anos 80, na Praia de Ondina, foi montada uma imensa lona de circo que recebeu o nome de Circo Troca de Segredos. Lá aconteciam apresentações de peças teatrais, de grupos musicais dos mais variados estilos, shows de gente famosa e, uma das coisas que mais adorava, a apresentação da Orquestra do grande Maestro Vivaldo Conceição. Como era pé-de-valsa, dançava a noite inteirinha e saia já pensando no próximo sábado. Foi uma época inesquecível.
E, como homenagem à memória de um tempo que ficou lá atrás, à turma de amigos, aos músicos, às canções, às danças, resolvi escrever essa letra.
Lua Dança (Uma lembrança do Circo Troca de Segredos)

Não aprendi
O foxtrote animado
Maracatu, sapateado
Dança do ventre e fandango
Nem mesmo o samba rasgado

Mas quando gira no teto
Aquele globo espelhado
Anunciando Glenn Miller
Em fragmentos de luz
Me abandono em seus braços
Num corpo a corpo, apertado
Palmo a palmo, colado
Ao som de Moonlight Serenade

O olhar firme no olhar
Faz respirar ofegante
Quase que tira o ar
O beijo escorrega mordendo
As contas de vidro do colar
As mãos entrelaçam desejos
Acontece a troca de segredos
E os pés acima do chão
Exploram a órbita lunar

imagem colhida na net


40 comentários:

Mário Margaride disse...

Olá Letícia, boa noite. Não esqueci não dos desenhos! Vou mostrar sim. Estou a selecionar alguns para mostrar, já na próxima postagem, ok?
Que a Lua dance e gire/Sempre sempre, sem parar/Que ilumine os corações/Dos amantes, ao ao dançar.
Um beijinho
Mário.

Mocho Falante disse...

linnnndo

adorei...e esta musica doce que aqui toca sabe embalar bem os meus sentidos

obrigado pela partilha

beijocas

henrique disse...

Que memórias.
Desfasadas.
Em pleno século XXI.
Intelectualmente.
Provocatórias.
Premeditação ?
henrique

Leticia Gabian disse...

Oi, Mário!
Que bom que vais postar um outro desenho. Fico aguardando.
Um beijo.

Leticia Gabian disse...

Querido Mocho bem Falante,
Sou eu quem agradece por gostares do meu post.
Beijocas, também pra ti.

Leticia Gabian disse...

Meu Henrique!
Provocções? Claro que não. São apenas lembranças de um tempo, que não se perdem por terem sido boas e saudáveis demais.
O nosso aqui e agora também é muito bom. Vamos vivê-lo, então.
Beijão.

poetaeusou disse...

Leticia
Quero entrar na Dança.
Quero ser o teu par.
Não. Não sou eu a apelar.
Escuta bem. Ouve. É, é o Mar!!!
poetaeusou(bailador)

Leticia Gabian disse...

Meu poeta,
Já és meu par. Todas as minhas danças são tuas, amor, ao doce balanço do mar.
Beijão.

Cadinho RoCo disse...

A lembrança se alimenta do inesquecível.
Grato por sua ida ao nosso blog.
Cadinho RoCo
http://cadinhoroco.blogspot.com/

Maria disse...

Que presente mais bonito me deste hoje, leticia.
Passa por mim que tens uma surpresa...
Beijo de boa noite

Dengo disse...

Entrei, no S&T.
Com o Post. Progredi.
Memórias de 2007.
Dengosas.
Foi. Foi em Salvador.
O Bondinho subia.
Para a Cidade Alta.
Musica, sempre a Musica.
O meu Martinho. Em fundo.
O Amor, não tem cor.
O Amor, não tem idade.
O Amor, não vê cara nem Religião.
Não faz diferença do rico e do pobre.
O Amor só precisa de um Coração.
Concordas Felini ...???
E haverá, mais Alguem ???
Dengo.

Leticia Gabian disse...

Dengo, Dengo!
Aiaiaiaiai! Pergunta do Poeta, Tá bom?
Um beijo.

Leticia Gabian disse...

Maria,
Já vou lá no no teu blog.
Beijo.

Leticia Gabian disse...

Cadinho,
Estou muito feliz com o teu ingresso nesse mundo dos blogs.
Sucesso!

Salvador disse...

Letra tão bonita, tão colorida e alegre...

como tu

bjs

Anônimo disse...

Saudosismo bateu agora.... Beijos amiga. Estou viajando. Na volta apareço com Allan para te ver. Estamos te devendo.

pitanga disse...

..."ouvindo a voz murmurando, são dois pra lá dois pra cá". tururu
beijos dançantes

Anônimo disse...

A letra é bonita, o nome do circo é genial, boa semana.

Leticia Gabian disse...

Oi, Salvador,
Bonita, alegre e iluminada é a criança que vi no teu post de hoje.
Um beijo grande.

Leticia Gabian disse...

Oi, Déa,
Bons tempos, né?
Boa viagem e bom regresso.
Beijo.

Leticia Gabian disse...

Pitanguita!
"Sentindo frio em minh'alma, te convidei pra dançar. A tua voz me acalmava...são dois pra lá, dois pra cá....". Grande bolero, né amiga? Isso pra dançar agarradinho.....hummmm! Muito bom!
Beijos dançantes e delirantes!

Leticia Gabian disse...

Caro Barão,
O nome do circo era genial e o curto tempo de vida dele foi o suficiente pra ficar eternamente na memória que quem o frequentava. Ai, que saudade!!!!
Boa semana!

david santos disse...

Olá, Letícia.
Como sempre: muito bom.
Adorei.
Um abraço.

Leticia Gabian disse...

Olá, David!
Que bom que gosta do que faço.
Outro abraço pra ti.

Era uma vez um Girassol disse...

Que poema lindo...
"As mãos entrelaçam desejos
Acontece a troca de segredos
E os pés acima do chão
Exploram a órbita lunar"

Huuummmmm.....é amor mesmo!
Beijinho

Leticia Gabian disse...

Oi, Flor Maior!
É amor mesmo, amiga.
Beijão pra ti.

APC disse...

Sensualíssimo, Let!
Quem dança assim, dança inteiro.
Ah, como se dança, quando o corpo e alma pedem e deles sai, por eles entram, entrelaçada união.
É a dança sem fim, sem medo e sem chão; de melodia perfeita, feita segredo do coração.

Amei! :-)

MRelvas disse...

Olá Leticia,

"O beijo escorrega mordendo"
Um poema muito bonito
"Acontece a troca de segredos"
Entre o Som e Tom
E o Arômas de Portugal.

Beijinhos amiga Leticia

Mário

Leticia Gabian disse...

Amigapoema!
Imagina que já estive, por três vezes ou mais, a tentar comentar o teu maravilhoso post e ainda não consegui.
Ias amar o Circo, amiga. Tenho certeza disso!
Grande beijo pra ti

Maria disse...

leticia, desculpa lá:
DENGO - vai uma bejeca no toino daleluia? Ou preferes no lázare?
Inté

Tem uma boa noite, leticia de voz doce. Um beijo

APC disse...

Tenta mais uma, que eu faço questão! Aquele é mesmo só para entendidos! ;-)
Ah... Adoro circo! :-)

O Sibarita disse...

Alô, alô pessoal do aló! Era ela, ela sim que pisava os meus pés! kkk

Letícia, você lembrou muito bem do Circo Troca de Segredos e do Maestro Vivaldo.

Era o máximo quando acabava o espetáculo caíamos no mar de Ondina para rebater a batida comprada em Diolindo no Rio Vermelho, lembra-se? Bons tempos...

Ei quando será que você vai nos brindar com letra e música da sua autoria tocando aqui? Tomara que seja logo...

bjs
O Sibarita

Leticia Gabian disse...

Amigapoema,
Hoje, além de tempo preciso de paz na alma pra comentar o teu post. Mas, vamo lá, quem sabe consigo ter.
Beijão pra ti.

Leticia Gabian disse...

Siba,
Então já sei que tens mais ou menos a mesma idade que a minha. Só não dava mergulhos na praia de Ondina....sabe que essa idéia nunca me ocorreu?
Mas era um espetáculo, não era Siba? Realmente, foi uma das realizações mais brilhantes acontecidas em Salvador, de que me lembre.
É mesmo provável que a gente tenha dançado e que eu tenha te pisado os pés. Eu não parava, dançava da hora que entrava até acabar.
E da batida do Diolindo, te confesso que bebia pouquissimo, pois o tempo nem dava. E o meu negócio era dançar.
Ô tempo bom né amigo ?!!!!!
Já tem uma letra minha aqui é a Vento Vadio. Quando der, ouça.
Um beijo pra ti.

greentea disse...

seria quarto crescente
seria lua cheia ?

a lua influencia nossos amores , nossas vidas !!

Leticia Gabian disse...

Oi, Greentea,
Acredito que seja a lua cheia.
Um beijo pra ti.

osibarita disse...

Ô você é dançarina? Humm! kkk Dona pé-de-valsa eu sou aquele rasga lona do Circo Troca de Segredos, viu? kkkk

Foi lá que conheci a Tonha! Me enrabichei pela Negona e aí já viu, né? Ela sirigaita como é me visgou... kkk

A orquestra do Maestro Vivaldo era de responsa e só quem ia no Troca de segredos quem tinha negócio... DEMAIS!

A sua letra de música só faz comprovar o que todos sabem é que você escreve muito bem!

beijos
Tá rebocado!

armando magno disse...

... lindo, minha amiga. Vais sempre conseguir surpreender-me!

Escrevi acima muito sentido ... mas confesso ser pretexto também para receber aquele abraço ... prometido no teu post!

jinhos e inté quando voltar (breve suponho!).

Leticia Gabian disse...

Tá Rebocado,
Se a gente já se conhecesse desde aquela época, formaríamos um quarteto daqueles! Já pensou? Tonha, Siba, tu e eu? Afffff Maria! A lona do circo ia cair!
Beijão, querido.

Leticia Gabian disse...

Oi, Armando,
Como vês, a volta foi muito antes....ou melhor, a parada é que nem mesmo aconteceu. Coisas da Blogosfera, afinal!
Beijinhos e aquele abraço prometido.