terça-feira, outubro 10, 2006

Volta por cima


Hoje (um novo dia), venho me juntar à ginga do malandro e, fazendo uso um pouco do seu invejável jogo de cintura, arrisco uns passos ao som do mais puro samba brasileiro.

Volta por Cima (Paulo Vanzolini/ Noel Rosa)

Chorei
Não procurei esconder

Todos viram, fingiram

Pena de mim não precisava

Ali onde eu chorei qualquer um chorava

Dar a volta por cima que eu dei, quero ver quem dava

Um homem de moral não fica no chão

Nem quer que mulher lhe venha dar a mão

Reconhece a queda e não desanima

Levanta sacode a poeira e dá a volta por cima

Reconhece a queda e não desanima

Levanta sacode a poeira e dá a volta por cima

65 comentários:

O Sibarita disse...

U lá lá! Deu a volta, foi? Ah que bom!

Você é retada mesma, quem quiser que se rete que agora você está nas baladas... Isso garota!

Ah... vai lá!

bjs
O Sibarita

pitanga disse...

Letícia, minha boa! Carlinhos de Jesus dançando só pra você no Som e Tom? Isso é que é volta por cima.
E ainda convido Chico (o Buarque)

"dou pernada
tres por quatro
e nem me despenteio"

beijos de Vanzolini e Noel
aplausos de Pitanga

legivel disse...

Dar a volta por cima não é fácil. Já lá dizia o outro que "descer (ou cair) nem se dá por isso; tornar a subir (ou levantar) não é pera doce... ".

Mas esta dupla dá uma forcinha...

Beijos e óptimo dia!!

Xica disse...

Era o q todos queriamos ser capazesde fazer-dar a volta por cima, não perder a dignidade, a força de vontade. Ainda bem q há alguns q conseguem...para mostrarem q realmente é possivel.
Lindo poema como o seu do post anterior. Beijitos

Leticia Gabian disse...

Grande Siba,
Estou de volta à luta, companheiro!
Inteirinha da Silva.
Um beijão.

Leticia Gabian disse...

Pitanguita, do meu coração!
Carlinhos de Jesus, Noel, Vanzolini e Chico, levantam até defunto, quanto mais uma mulher de coração bobo.
Beijaozão.

Leticia Gabian disse...

Legível,
Conto com a ajuda de muita gente boa. A música tem um imenso poder curativo, pena que ainda haja quem desacredite disso.
Um dia excelente pra você e um beijo.

Leticia Gabian disse...

Xica,
Adorei a sua visita.
É possível sim a gente dar a volta por cima, usando a nossa força interior e a vontade de ser feliz de novo.
Volte sempre.
Um beijo

Francieli Rebelatto disse...

encontrei teu blog, por acaso e por aqui vou ficando, entre letras, sons, um gingado no pé...Muito bom, gostei mesmo daqui...Beijos e visita-me

Leticia Gabian disse...

Olá, Francieli,
Se gostou, volte sempre. Vou te visitar também.

eduardo disse...

bela canção.

André disse...

faltou ouvir essa letra com sua voz!

Ana Patudos disse...

Letícia
eu já tive momentos na vida em que se não desse a volta por cima , não estaria agora aqui a escrever para você.
Obrigado pela música e pela voz.
Bjo grande
Ana Paula

Leticia Gabian disse...

Eduardo,
É sim, é muito bela.
Um beijo.

André,
Tem tanta coisa boa que eu gostaria de gravar...
Um beijo pra ti.

Ana,
A vida é assim mesmo, se cair, tem que levantar e dar a volta por cima. A poeira, a gente sopra e ele se dissipa no ar, levando junto o que nos incomoda e faz mal.
Um beijo grande.

Anônimo disse...

todos temos de dar a voolta por cima , Leticia

de uma forma ou de outra...

beijinhos

Leticia Gabian disse...

Temos, sim, Avelana.
Um beijo.

vero disse...

Passei p lhe deixar um beijinho***

Ta rebocado! disse...

Eu em Dolores? kkk Hummm...! Ou mulher retada meu Deus! E não é que ela ouvio o conselho de Tonha e colocou o bloco na rua? Ah... Assim, eu fico feliz, tristeza, para que tristeza, né? Jogue duro sua menina, sorria você tá sendo filmada... kkk

Oi você ja viu a nova postagem do Sibarita? Sei não... Pega-me, viu? - O que Tonha? Não, naõ é pegar a mim, é o nome da poesia do Sibarita - Como? eu já estou acorrentado aos seus pés? - Eu sei meu bem... - Ah você está de olhos bem abertos! kkk - Que mulher tribuzana é essa meu Jesus? Não passa nada... Tá piripicado eu tô é lenhado! kkk

bjs.

Tá rebocado!

Cecilia Cunha disse...

Fico feliz por dar a volta por cima. Cantar e dançar é uma óptima terapia onde as forças nascem a cada nota a cada passo.
Fica bem Letícia
Beijo

greentea disse...

de uma forma ou de outra ha semprre uma volta a dar...nem que seja por cima

beijinhos

pitanga disse...

Bom dia Letícia! ...e Carlinhos continua dançando! Já combinaram o cachê?

beijos dançantes

Jorge P.G. disse...

Dar a volta por cima, sempre.
E de cabeça erguida, sem medo de tropeçar!

Um beijo de Portugal.

Jorge de Lisboa

Jorge P.G. disse...

Letícia, só hoje vi sua resposta a meu comentário anterior.
Elis tem maior extensão vocal, sim.
Mas houve qualquer coisa na sua voz, naquela canção, que me conduziu até ela.
De qualquer modo,ela é macia e ternurenta, sim! Eu gosto!

Olha, não vou ficar esperando que você descubra meus poemas perdidos no meio dos artigos de Setembro em "O Sino da Aldeia".
Deixo aqui um link para 'unzinho' deles, tá?
- "Um poema" http://osinodaaldeia.blogspot.com/2006/09/um-poema.html#links

Tudo de bom!
Um beijo desde Lisboa
Jorge G

Jorge P.G. disse...

Oops! Esta caixinha não faz links!
Me desculpa. Então só resta você mesma digitar o endereço quando quiser. Se gostar, tem mais nos arquivos de Setembro.

Leticia Gabian disse...

Vero,
Outro pra você.

Tá Rebocado,
E Tonha, sempre no seu pé, hein?
Vou lá ler coisa nova de Siba.
E sorria, você está na Bahia!!!!
Beijo

Leticia Gabian disse...

Querida Moonshinne,
Os sons, tons, tintas e passos, são sempre meus aliados nas horas mais chatas da vida. Com eles eu dou voltas pelo mundo.
Um beijo.
(hoje eu te mando mais duas músicas)

Leticia Gabian disse...

Greentea,
".. e a gente vai levando, a gente vai levando, a gente vai levando, a gente vai levando essa rima."

A gente vai levando - Chico Buarque

Beijo.

Leticia Gabian disse...

Pitanguita,
O Carlinhos é tão gente fina que está me ajudando a dar mil voltas, completamente de graça.
Ando sem tempo pra nada.
Vou ensaiar com um outro violonista, mas só pra essa sexta-feira. Leonardo vai fazer uma viagem e colocou Quito no lugar (que é um violonista nota 10). Vai ser bom!!! Depois te conto.
Beijão

Leticia Gabian disse...

Querido Jorge,
Vou conhecer os seus poemas, sem falta, no sábado. Ando correndo, sem tempo pra me dedicar à leitura dos blogs que tanto adoro. Estou ensaiando com um novo violonista e só terei tempo livre no fim de semana. É só um tempinho que eu peço e já vou comentar o que li. Está combinado?
Um beijo grande querido!

pitanga disse...

Letícia, minha conselheira, junto a assuntos "bloguísticos" o povo tá querendo mais do Nobre e a Aldeã. Vai só ver. O que faço?
Vou perguntar, também a Girassol.

beijinhos indecisos

Leticia Gabian disse...

Dê continuidade se for da sua vontade, mulher! Quem manda escrever bem? Te vira, minha filha!!!!Tem essa de mané indecisão, não!
Beijo.

Bernardo da Maia disse...

Como apreciador de boa musica, adorei este seu post........só uma curiosidade, a voz que sai das minhas colunas é tua??, Se sim, magnifico, ainda por cima num tema lindo,,,,,,,,,,,,porquê a felicidade meu amor...............


Lindo....

Bjs

Leticia Gabian disse...

Bernardo,
A voz é minha sim. E o que ouve é Corcovado (uma Bossa Nova) de Tom Jobim.
Um beijo grande

Luisa disse...

Não me importava de ficar todo o dia a ouvir samba...A vossa música impõe-se a todo o mundo!

Ghiza Rocha disse...

que escolha lindaaa!!!

DE PROPOSITO disse...

Levanta sacode a poeira e dá a volta por cima. Só que há pessoas que após a queda já não se conseguem levantar, ou nunca mais se levantam. É a lei da vida, consequência de termos nascido. Aí nem mão de mulher nem nada. Tudo foi ao ar.
Fica bem.
Beijos.
Manuel

lazuli disse...

A gente vai levando, Leticia

Era uma vez um Girassol disse...

Dar a volta por cima sempre!
Sim, minha amiga, vale a pena...
Pela coragem, pela elevação da auto-estima, por acreditar.
Assim mesmo!
Beijinhos

Leticia Gabian disse...

Luisa,
Que bom que gosta da nossa música. É uma das muitas coisas boas que existem por aqui.
Um beijo.

Ghiza.
Gostou? Você canta essa também?
Beijo.

Leticia Gabian disse...

Querido Manuel,
Todo mundo pode levantar, se assim o desejar muito e acreditar.
Um beijo

Leticia Gabian disse...

Lazuli,
A gente vai levando e vai levando. É assim mesmo.
Um beijo grande.

Leticia Gabian disse...

Girassol querida,
Falou tudo. É assim mesmo.
Um super beijo

APC disse...

É isso mêmo, m'mermão! :-)))
Tenho-te respondido no meu blog, mas não tenho vindo ao teu por mera falta de oportunidade. E acabei a descobrir que isso deixa saudades! :-)
Gosto mesmo de te saber "assim"! Chega de sofrer sempre o mesmo!
["não implores, não implores, não implores", eheheheheh... :-*]

pitanga disse...

Letícia, uma dica valiosa. Alma da Terra. Tá lá no Pitanga. É um sonho. Que astral!

beijinhos de boa noite

Leticia Gabian disse...

APC,
Dá saudade mesmo.
Chega de sofrimento, né? Tá de bom tamanho já. Bola pra frente que atrás vem gente e a fila anda.
Beijão.

Leticia Gabian disse...

Pitanguita,
Vou visitar, sim.
Beijo.

pitanga disse...

Letícia, minha amiga, bom dia! Quem chegar primeiro ganha um pirulito.
beijos

Ana Luar disse...

Belíssima....
quantas vezes eu sacudo as mãos depois da queda... e toca para a frente pk ali está o caminho para a aprendizagem.

Beijinhos Leti

pensamentos_vagabundos disse...

já tinha saudades deste cantinho...
beijo vagabundo

pitanga disse...

Letícia, perdeu o pirulito. Olha, tem jente que pensa que não acabou. Vou escrever um livro...hehehe

beijos de escritora, hoje estou assim...Zelia Gatai

Vanda Baltazar disse...

Leticia como foram gostosas as suas visitas lá no meu diario de bordo!Obrigada!

Obrigada pelas palavras e ainda por esta musica que aqui, no teu canto, ouço :)


E sabe que mais???? Nós sempre damos a volta :) e voltamos a ser!


A sorrir :) a acreditar :) a fazer um novo dia, mesmo quando já vivemos tantos e tão diferentes!

Um beijo enorme

Van

Leticia Gabian disse...

Analuar,
As crianças aprendem a caminhar com as próprias pernas depois de muita queda, tombos e choros. E isso continua mesmo depois de adultos.
Um beijão pra ti.

Leticia Gabian disse...

Pensamentos Vagabundos,
Quando sentir saudade, é só aparecer.
Um beijo grande.

Leticia Gabian disse...

Pitanga Gatai,
Escrever um livro é coisa fichinha para a senhora que escreve com tamanha propriedade. Portanto, mãos a obra e trate de satisfazer o desejo da malta (onde me incluo, certamente).
Beijão.

Leticia Gabian disse...

Tudo verdade Vanda,
O nosso poder de renovação, por vezes é subestimado. Mas, se engana quem acha que não é capaz de se reerguer e recomeçar.
Um brande beijo, querida.

Teresa Durães disse...

"Um homem de moral não fica no chão
Nem quer que mulher lhe venha dar a mão "

hum...um pouco machista...e um homem de moral dá a mão a quem o quer ajudar... 'tá bem... vou fingir que não li e só percebi o dar a volta por cima ;)

boa noite

Leticia Gabian disse...

Teresa,
O que importa é mesmo a volta por cima.
Boa noite pra você também

Jo§e disse...

É bom voltar aqui e por cá ficar, lendo e ouvindo.

Um beijo

Leticia Gabian disse...

Olá José, da carinha marota!
Seu trabalho de fotografia é muito fixe. Adorei conhecer.
Volte sempre por aqui. Vou gostar de te receber.

Um beijo (hoje eu aprendi que falar UM BEIJO é um tanto vulgar, aí em Portugal. Mas, como sou brasileira ...) outro beijo

pitanga disse...

Letícia, do céu, não acredito que fui eu que escrevi gente com (J).
Devia estar com sono ainda.
Olha, gostei do "fixe" e "malta". Isso pega, pa!

beijos

Saramar disse...

Muito bem feito menina!
É assim que se diz, ou melhor, é assim que se canta e dança.
Felicidade sempre para você e o resto que se dane.

beijos

Leticia Gabian disse...

Pitanguita,
Ora, já perdi a conta dos erros de digitação. Relaxe, criatura! Nós não somos máquinas, podemos errar. Gostou de ver como estou me apropriando da gíria lusitana, né? A coisa pega direitinho.
Beijão.

Leticia Gabian disse...

Saramar,
Felicidade pra quem está de bem com a vida e com a gente.
Beijo grande, querida.

P. Guerreiro disse...

Chorei e não escondi...Atitude corajosa, de quem não foje ao que sente. Um abraço solarengo deste lado do atlântico...Mesmo pertinho do mar.

Bom fim de semana!

Leticia Gabian disse...

Oi, Guerreiro!
Te deixo outro abraço, do lado de cá, também pertinho do mar.